quarta-feira, 16 de maio de 2012

Elle Summer Preview

A partir desse mês começam as edições do verão 2013 das principais semanas de moda nacionais (Rio-à-Porter de 22 a 25 de maio, Fashion Rio de 22 a 26 de maio e SPFW de 11 a 16 de junho). E, para já adiantar o que as marcas de beachwear vão mostrar nas passarelas, a revista Elle promoveu no último fim de semana uma semana de moda própria, o Elle Summer Preview. 
O evento, que aconteceu no sábado à noite em plena Ponte Estaiada, em São Paulo, teve direção geral de Paulo Borges (diretor criativo do SPFW) e a presença de oito marcas: Adriana Degreas, Água de Coco, Blue Man, Cia Marítima, Lenny, Movimento, Salinas e Triya. Das 64 modelos, os principais nomes eram os de Ana Claudia Michels, Lea T., Izabel Goulart, Ana Beatriz Barros, Caroline Ribeiro, Isabeli Fontana, Aline Weber e Mariana Weickert. Depois dos desfiles, houve festa para 900 convidados, fechando a comemoração dos 24 anos da revista. Vamos ao melhor dos desfiles? :)
Inspirada nas baianas de turbantes e amuletos, Adriana Degreas criou uma coleção cheia de lycra, tule e renda, com peças brilhosas e transparentes e estampas pontuaus, que lembram o movimento das ondas. Para os acessórios, a estilista carioca fez parceria com Francesca Romana, que criou colares de figa e pulseiras inspiradas nas escravas. Os mega turbantes ficaram por conta de Ana Célia Santos, fundadora do bloco afro baiano Ilê Aiyê.
Na Água de Coco, as estampas foram mais geométricas, inspiradas no grafismo turco, em especial das cidades de Istambul e Capadócia. De lycra e seda, os maiôs, biquínis e saídas de praia ganharam modelagem ampla e confortável. Os looks ganharam ainda mais vida com os acessórios de couro vazado da marca Camaleoa e a beleza marcante assinada por Daniel Hernandez.
A Blue Man, por sua vez, apostou em cores e estampas fortíssimas. Entre os destaques, o longo tropical que pode perfeitamente sair das areias para o asfalto e o maiô azul com estampa quase aborígene. A mistura de cores, o exagerado e, principalmente os acessórios - máxi pulseiras de acrílico, viseiras neon e colares de frutas e flores - remeteram aos anos 70
O verão da Cia. Marítima é chique de doar, com cara de anos 60 e até um quê de conservador. Afinal, casaco na praia e maiô de peplum só nas passarelas mesmo né? Eu amei o look pin up do biquíni comportado de estampa de flores vermelho e amarelo e o vestido esvoaçante pós-praia com cara de rica. O Havaí retrô foi a principal referência e serviu também para os colares e pulseiras exagerados, assinados por Claudia Savelli.
Como sempre, a Lenny apostou em uma cartela mais focada de cores e modelagem elegante, para mulheres sofisticadas que buscam um sexy menos óbvio. Eu achei um pouco sem graça os biquínis maiôs e saídas quase monocromáticos, mas as peças com tela de tricô cinza tiveram um charme a mais. A ideia da marca era mostrar a harmonia entre a natureza e o urbano, por isso o uso de uma única estampa, que representa a floresta sob uma ponte. As sandálias nude do desfile são do designer Fernando Pires.
A recifense Movimento inspirou-se nos corais do mar para o verão 2013. Entre os destaques da coleção, as estampas em tons mais fechados, combinadas com o laranja; as transparências e os acessórios. Em especial, os chapéus de ráfia, plantas e palha desencolvidos por Claudia Savelli. O make moderno de Daniel Hernandez abusou do vinho: tom que promete sair do inverno para o verão com muito gloss por cima da boca e textura cremosa também nas sombras.
Divertida que só ela, a Salinas apostou em várias cores e estampas diferentes para o próximo verão. A inspiração foi o Japão, com suas listras, flores e dobraduras, apresentadas desde os maiôs e biquínis até os acessórios de cabelo, colares e mega pulseiras (assinados por Caio Vinícius). Aliados ao make super colorido, o desfile resultou em um mix de estampas colorido, com clima lúdico.
Por última, a Triya foi a marca que mais apostou nas estampas psicodélicas. Do geométrico ao tie die, ao tecnológico, ao hippie: uma mistura louca que funciona lindamente na passarela, mas talvez não para a "vida real". A principal referência foi o festival indiano Holi Festival, aquele com as tintas em pó, sabe? Sendo assim, a marca apostou em caftãs e saias esvoaçantes para o verão brasileiro. As peças foram arrematadas por acessórios punk pop, como as luvas de madrepérola, os moicanos de metal, e os brincos a la porco-espinho.

2 comentários :

claudia savelli disse...

olá! ótima cobertura do evento!
a elle fez algumas correções no conteudo do site relacionado ao summer preview e como vi que pesquisou quando ainda estava com alguns erros, gostaria de te passar.. na movimento e cia maritma os acessorios sao de Claudia Savelli [o sobrenome estava errado] e a informação sobre Salinas/Caio Vinicius/Tryia estava trocada. aqui vai o link para vc ver o conteudo revisado. beijo e obrigada pelo "em especial" ;)!
http://elle.abril.com.br/materia/os-acessorios-das-marcas#image=4fad8050865be27d3f0003a1

Taís Meireles disse...

Corrigido Claudia.
Obrigada!

Postar um comentário